terça-feira, 3 de abril de 2012

Bonaparte - muito aquém das expectativas

Pra me reconquistar, tem que melhorar muito
Domingo passei por uma experiência de consumo extremamente desagradável. Não falo aqui em encantar o cliente, refiro-me a atender expectativas mínimas.

Relato o ocorrido tal como narrado na mensagem que deixei, hoje pela manhã, no site do Grupo Bonaparte:

"Prezados senhores
Há anos tive como preferência, em rede fast-food, os restaurantes Bonaparte.
Entretanto, tenho observado com pesar a queda na qualidade dos serviços. Pratos despadronizados (servidos de forma e sabor diferentes em cada lugar) e agora uma surpresa ainda muito mais desagradável: talheres mal lavados, apesar de embalados individualmente.

O fato ocorreu no último domingo, dia 1° de Abril, no Plaza Shopping Casa Forte, no Recife. Eu havia escolhido um dos pratos do dia, um Bacalhau. E quando me foi entregue, antes mesmo de abrir a embalagem, vi que os talheres estavam sujos, cheios de manchas que saiam esfregando os dedos, além do fato de estarem sebosos nos cabos. Pedi a troca, ao que abria as novas embalagens e me deparava algumas vezes com situação ainda pior. Depois de solicitar três ou quatro, pedi a atendente que entrasse e lavasse na hora, ao qual trouxe outro talher que não estava em situação melhor.

Desisti. Não discuti mais. Até tentei comer, mas o sentido de nojo era tão grande que deixei o prato ali mesmo.

Dito isso, eu, que já vinha dando preferência aos restaurantes Quanto Prima, agora estou decidido a nunca mais passar por tal constrangimento, evitando em definitivo sua rede de restaurantes.

Façam um favor para a sociedade, revisem essas noções de higiene. É o mínimo que se pode esperar. Senão, teremos que procurar, com dificuldade, em que parte serão bons..."

Se fosse na minha casa, a funcionária estaria demitida e eu mesmo teria lavado os talheres. Gostaria de ter podido entrar na cozinha e lavado os meus.

Em tempos de que se fala em fidelizar o cliente, a gente se deparar com erros crassos como esse numa praça de alimentação de um dos shoppings mais conceituados da cidade? E sem ter com quem reclamar ou alguém que resolva o problema, no ato? Onde vamos parar? Lamentável!

Felizmente, a cada dia, surgem novos empreendimentos, favorecidos por falhas como essas, que fazem com que quem estava ganhando venha a se tornar uma vaga memória, em algum lugar no passado.