segunda-feira, 26 de julho de 2010

Sustentabilidade - o que você tem a ver com isso?


Não é de hoje que acompanhamos campanhas ecológicas. Organizações como o Greenpeace e a WWF já vêm alertando a sociedade, no mundo inteiro e ao longo de décadas, sobre os riscos do consumo irrefreado, inconsequente e não planejado dos recursos do nosso planeta. Mesmo assim, muitos de nós passamos indiferentes diante dos apelos. Até que começaram a ser cada vez mais frequentes os desastres ecológicos.

Temos presenciado inúmeras tragédias naturais, cada vez com maior frequencia e menor distância geográfica. E só quem não quer agora não percebe que esse problema é sim de cada um de nós. Não é dos nosso netos ou filhos, que vão ter que lidar com as consequências de nossos atos, somos nós que começamos a sofrer já pelo que nós fazemos e nossos pais fizeram. Mesmo assim, talvez não seja tarde demais.

E aí talvez você se pergunte: esse site não trata de carreira e de empresas? De marketing, de capitalismo? O que isso tem a ver? Tudo a ver, eu respondo. Porque se você quiser continuar alheio a tudo isso, sinta-se à vontade, mas saiba que seus clientes estão cada vez mais conscientes, e talvez hoje seu cliente de sempre pare de comprar de você simplesmente porque seu principal concorrente é ecologicamente sustentável, preocupa-se com o meio ambiente e destina uma parte de seu faturamento a campanhas de reciclagem. Isso não é mais um diferencial desejável, já passa a ser exigível para se manter no páreo.

Resolvi disponibilizar aqui um vídeo muito interessante produzido por uma organização chamada "The story of stuff", que de uma forma muito simples explica o impacto de nossa participação numa sociedade capitalista. O filme foi produzido para o público estadunidense, mas como copiamos tantas coisas de lá, então ele se enquadra muito bem à nossa realidade.

Pode ser que você não concorde com tudo o que é demonstrado aqui, ache-o radical demais. Mas estou certo de que, de toda forma, a reflexão é válida. Até mesmo para profissionais de marketing, que por natureza são movidos pelas relações de consumo. Por mais estranho que pareça na abordagem do vídeo, o marketing não é intrinsecamente irresponsável pelos fatos.

Se você preferir assistir a versão legendada, acesse diretamente no site da organização: http://www.storyofstuff.org/international.